Home Loteria Alagoas dá Sorte devolve dinheiro do cartelão hoje.
< Voltar

Alagoas dá Sorte devolve dinheiro do cartelão hoje.

26/02/2004

Compartilhe

A devolução do dinheiro do cartelão do Alagoas dá Sorte, para as pessoas que adquiriram o bilhete, na semana passada, está programada para hoje, conforme anunciou o gerente comercial do jogo em Alagoas, Mário Pena.
Ele informou que a devolução será feita nos diversos escritórios regionais do Alagoas dá Sorte, espalhados pela cidade, como por exemplo, nos bairros de Bebedouro, Farol, Clima Bom, Tabuleiro do Martins, Benedito Bentes, Pajuçara, Centro, Trapiche, entre outros.
Além desses locais, serão montados outros pontos de troca no Shopping Iguatemi, no Hiper Bompreço (Iguatemi e Gruta), nos supermercados Via Box (Serraria e Praia) e outros que serão divulgados, a partir de hoje, nos meios de comunicação.
“As pessoas não vão ficar sem ser informadas, pois estaremos divulgando na imprensa a lista de todos os pontos cadastrados para a devolução do dinheiro”, garantiu Mário Pena. Ele disse, inclusive, que no horário destinado ao sorteio, pela TV, que seria realizado hoje, também haverá a devida divulgação dos locais.
A informação também foi confirmada pelo presidente da Loteal, coronel Ronaldo dos Santos, já que a entidade é a permissionária pelo Alagoas dá Sorte, no Estado. “Tudo será devidamente anunciado nos órgãos de imprensa. Daí, as pessoas que compraram o cartelão, poderão ir pegar seu dinheiro”, disse.
Bancas
Nas bancas de revista de Maceió, locais que também vendem as cartelas do Alagoas dá Sorte, os proprietários ainda não sabiam, até ontem, quando a devolução do dinheiro seria feita.
“O que sabemos, até agora, é o que vem sendo veiculado na TV”, disse dona Gilberta Barbosa, proprietária de uma banca de revista no Centro de Maceió. “Mesmo assim, nós já prestamos conta de todo o valor arrecadado com o cartelão desta semana, no sábado à noite”, observou.
Os sorteios do Alagoas dá Sorte seriam feitos no domingo de carnaval, dia 22, e nesta quinta-feira, mas foram suspensos, em virtude da medida provisória anunciada, na sexta-feira, pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, determinando o fechamento de todos os bingos e proibindo o uso das chamadas máquinas caça-níqueis em todo o País. Medida Provisória não atinge o Alagoas dá Sorte.
Além do bingo, a Loteal é permissionária oficial do “Alagoas da Sorte”, (uma loteria de prognóstico por cartelas vendidas nas ruas e sorteios de prêmios duas vezes por semana). Segundo Ronaldo Santos, o Alagoas dá Sorte não será atingido pela medida do governo por funcionar como loteria de prognóstico, semelhante aos jogos federais como Mega Sena, e por isso não está na lista das empresas que serão penalizadas. “Muita gente entende o Alagoas dá Sorte como bingo, mas, de acordo com a Lei Estadual trata-se de uma loteria de prognósticos semelhantes aos jogos federais, a exemplo da Mega Sena e Quina e, por essa razão, não estará enquadrada na medida federal”, esclarece o presidente.
Outra modalidade controlada pela Loteal é o jogo do bicho – que em Alagoas está informatizado, funciona com terminais de computador, que emitem o “pule” eletrônico. O jogo do bicho – também chamado de “zooloteria” – reúne diversos bicheiros numa Associação dos Zoolotéricos de Alagoas, chamada de Azooal.
FATURAMENTO – Segundo o coronel Ronaldo dos Santos, em 2003 o faturamento dos bingos e o jogo de bicho em Alagoas girou em torno de R$ 24 milhões. Desse total, ele disse que a Loteal ficou com 10%, ou seja, R$ 2,4 milhões. “Toda essa soma foi utilizada em obras e projetos sociais, como a distribuição gratuita de sopa, o programa do leite e a ajuda a orfanatos”, afirmou.Gazeta de Alagoas (AL) – Fernanda Medeiros