Home Cassino “Aprovação de cassinos e resorts é uma chance de aumentar nosso turismo Internacional” diz ministro
< Voltar

“Aprovação de cassinos e resorts é uma chance de aumentar nosso turismo Internacional” diz ministro

31/05/2018

Compartilhe

No Brasil o mercado turístico gera cerca de 7 milhões de empregos diretos, indiretos e induzidos

A grande chance de incrementar esses números é com a aprovação dos cassinos e resorts em todo o país, algo que seria excelente para os cofres públicos, para a economia local e principalmente para os amantes de um bom jogo de azar

Durante a abertura do 60° Congresso Nacional de Hotéis – o Conotel – o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, afirmou que existem pelo menos três chances do turismo internacional ser aumentado no país. Segundo prognósticos esse número aumentaria de 6 milhões para o dobro disso. As três opções sugeridas pelo mesmo são: Aprovar cassinos e resorts no Brasil; facilitar a criação de parques nacionais e também de parques temáticos; e ainda incentivar a construção de marinas e portos turísticos. Tudo isso voltado, é claro, para os resorts com atividades de cassino.

Juntamente com o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), Manoel Linhas, o ministro do turismo afirmou que esse setor das acomodações está entre os setores que mais geram empregos na área de Viagens e Turismo em todo o Brasil. Lummertz ainda assegurou que a hotelaria é um dos setores que mais se beneficiam da tecnologia porém, ao invés de “substituir empregos” por aplicativos modernos, o segmento acaba gerando novos postos de trabalho. Comentou ainda que a geração de empregos é uma das maiores preocupações desse segmento e que a realização do Conotel serve justamente para isso, para que juntos possam entender o conceito de competitividade e então buscar juntos o futuro com soluções para as incertezas que cercam esse mercado.

No Brasil o mercado turístico gera cerca de 7 milhões de empregos diretos, indiretos e induzidos. Já numa visão mais geral, do mundo, 1 em cada 5 empregos criados no ano de 2017 foram relacionados a esse setor. Com base nisso o ministro reafirmou a necessidade de abrir o Brasil para o turismo internacional e também de criar um mercado para atrair esses turistas e um fluxo de negócios competitivos, com os resorts e cassinos, por exemplo.

Desafios

Dentre os principais desafios apontados para que o Brasil chegue a um bom número de turistas internacionais, o presidente da ABIH Nacional, Manoel Linhares, afirmou que a escassez de produtos que promovam internacionalmente o país acaba tirando a capacidade do país competir com outros. O presidente disse que o turismo tem que trabalhar muito ainda para conseguir expandir o orçamento de promoção internacional de todos os nossos destinos aqui no Brasil. É necessário que a gente saia desse número de 6 milhões de turistas ao ano.

A grande chance de incrementar esses números é com a aprovação dos cassinos e resorts em todo o país, algo que seria excelente para os cofres públicos, para a economia local e principalmente para os amantes de um bom jogo de azar!