Home Jogo Responsável Associada a compulsão ao jogo com uma alteração em uma zona do cérebro.
< Voltar

Associada a compulsão ao jogo com uma alteração em uma zona do cérebro.

25/04/2005

Compartilhe

Segundo um estudo elaborado por uma equipe de pesquisadores argentinos, os jogadores compulsivos ou ludopatas mostram um padrão de atividade cerebral similar ao que se vê nos alcoólatras ou os drogadictos e uma alteração na zona cerebral ligada à tomada de  decisões. O trabalho foi liderado por Facundo Manes, chefe da Divisão de Neurologia Cognitiva, Neuropsicologia e Neuropsiquiatria da clínica FLENI, e acaba de ser apresentado na reunião anual da Academia Americana de Neurologia, em Miami.

A  equipe do FLENI pode detectar que a compulsão ao jogo se associa a uma alteração no córtex pré-frontal do cérebro, região intimamente ligada às "funções executivas, que compreendem a capacidade de abstrair, planejar, organizar, substituir e de adaptação aos conhecimentos atuais e passados, às futuras condutas", explicou Manes.
Isto explicaria por que os dependentes dos jogos de azar insistem em apostar, apesar de saber das implicações negativas que esta compulsão tem sobre a vida social das pessoas.
Clarín