Home Apostas Dia 20.05.2020 ficará marcado na história do pôquer brasileiro para sempre
< Voltar

Dia 20.05.2020 ficará marcado na história do pôquer brasileiro para sempre

22/05/2020

Compartilhe

Foram duas cravadas, dois vices, um terceiro e um quarto lugar em torneios que renderam prêmios de seis dígitos para os jogadores do país

O dia 20 de maio de 2020 entrará para a história do pôquer online brasileiro pelo fato de seis jogadores terem faturados mais de US$ 2.4 milhões ou R$ 13 milhões em prêmios somados disputados em vários torneios online.

O primeiro bracelete do país veio pelas mãos de Alexandre Gomes e André Akkari, nosso maior ídolo na época, levando seu primeiro título mundial. Roberly conquistou US$ 1 milhão e Bruno Foster sendo o primeiro brasileiro finalista do November Nine do WSOP. Todos esses feitos – e alguns outros – serão lembrados para sempre como grandes momentos do pôquer no país.

Não precisa ser muito corajoso para cravar o dia 20 de maio de 2020 como o dia mais importante da história do pôquer online brasileiro. Foram duas cravadas, dois vices, um terceiro e um quarto lugar em torneios que renderam prêmios de seis dígitos para os jogadores do país, em buy ins que variaram de US$ 50 até US$ 10.300.

Vamos começar do menor para o maior:

#6 – O menor deles foi um dos mais significativos. Em uma batalha no heads-up de quase duas horas com ninguém menos que Adrian Mateos, o “Amadi_017”, Bernardo Rocha, o “Machadada RS”, faturou US$ 118.812 pelo vice no Evento 79-M do SCOOP. O craque do 4bet Poker Team possui até hoje um Big hit que figura entre os 10 maiores prizes do Poker Online Brasileiro.

#5 – Batendo um field de quase 20.000 jogadores, Thiago Guimarães alcançou a tampa do WTP Super50 do partypoker. A vitória rendeu o impressionante prize de US$ 124.074 e um ROI absurdo para o jogador da PokerLab

#4 – Brunno Botteon enfrentou alguns dos melhores jogadores do mundo na mesa final do High Roller do SCOOP. Além do compatriota Pedro Padilha, o capixaba dividiu a mesa com nomes como Pascal Lefrançois e o campeão Steve O’Dweyer. O bronze lhe rendeu US$ 142.624.

#3 – Gustavo Kamei alcançou a maior forra da carreira no Main Event Medium do SCOOP, com buy in de US$ 1.050. Apesar de ter sido eliminado com uma bad beat no river, o paranaense ganhou impressionantes US$ 333.261

#2 – O buy in era de US$ 10.300 e se tratava do torneio mais importante do SCOOP, o Main Event High. Pablo Brito ficou com a prata depois de um blefe gigantesco não ter passado. De qualquer forma, ele garantiu US$ 764.941

#1 – A cereja no bolo veio no Main Event Medium, com a cravada de João Hayashi. O mineiro levou US$ 920.066, finalizando o dia com mais de US$ 2.400.000 de prêmios somente destes seis jogadores. Com o dólar cotado a quase R$ 6,00, são mais de R$ 13.000.000.

A quarentena não tem previsão de terminar, o pôquer online segue bombando e os jogadores brasileiros estão cada vez mais afiados. A expectativa de grandes prêmios vindo daqui para frente são grandes, mas é um pouco otimista demais pensar que algum dia nos próximos tempos o Brasil irá superar a quantidade de grandes resultados alcançadas nesta data.

Para os apaixonados pelo pôquer, uma vitória: estamos acompanhando a história sendo escrita. Onde você estava no dia 20.05.2020? Parabéns a todos os vencedores deste dia histórico. (Com Mundo do Poker)