Home Lotérica Diretores do SINAL e da SR Regional debatem temas da Rede
< Voltar

Diretores do SINAL e da SR Regional debatem temas da Rede

06/01/2016

Compartilhe

A Diretoria do Sindicato dos Empresários Lotéricos do Mato Grosso do Sul, SINAL-MS, participou de uma reunião com a Superintendência sul-mato-grossense da Caixa, quando teve a oportunidade de retomar importantes solicitações do setor. Realizada na quarta-feira, dia 23.12, na sede do Sindicato, a reunião contou com a participação dos diretores sindicais, Lino Yoshinobu Yonamine, administrativo; Sérgio Gonçalves Rocha, financeiro; Diomedes Hirochi Yasunaka, vice-presidente; e Ricardo Amado Costa, o presidente do SINAL-MS. Representando a Caixa, o gerente regional João Batista Oliveira Filho, e o Superintendente Evandro Narciso de Lima.

O presidente do SINAL, Ricardo Amado, abordou assuntos relacionados à segurança, crédito, blindagem, e ainda outros temas importantes da rotina das lojas como estorno de convênios, ou limites para importância segurada das Lojas. Veja os principais assuntos que foram debatidos pelo Sindicato.

– Valores da Importância Segurada, IS, para os seguros obrigatórios – Foi combinado um fluxo para reavaliar valores, as análises serão realizadas caso a caso; o superintendente da Caixa reconheceu que vários pontos precisam ser reavaliados;

– Autenticação de convênios que não permitem estorno [exemplo, IPVA, IPTU e GPS] – O SINDICATO SINAL manifestou a determinação em não receber estes convênios que causam riscos e prejuízos aos Lotéricos e operadores; a Superintendência da Caixa realizará reuniões com as Prefeituras e o Governo Estadual, com a participação dos Representantes dos Lotéricos sul-mato-grossenses no debate.

– Excessiva pressão por terminais parados – O SINAL apresentou os motivos que ocasionalmente, geram o desligamento dos TFLs, por exemplo, férias, almoço, falta, etc. Com isso, a Caixa, implantará um novo modelo de controle para identificar ociosidade dos TFLs, obedecendo critérios razoáveis.

Problemas para receber insumos – O SINDICATO solicitou apoio à SR para solucionar os atrasos de entrega dos materiais; A SR vai encaminhar demanda à matriz para que seja possível regularizar as entregas e, assim, a Rede não ser prejudicada pela falta de material.

Mudança de endereço e transferência de lojas – O presidente do SINAL, Ricardo Amado, relatou à SR que a FEBRALOT está aguardando a elaboração de uma nova circular interna, pela Matriz Caixa, regulamentando a transferência de sociedade. A mudança de endereço, entre municípios está autorizada. 

Créditos para aprimoramento da UL – Foi solicitado uma abertura de crédito aos empresários lotéricos interessados em realizar a blindagem da loja, ou, implantação de cofre-inteligente; a SR comprometeu-se a priorizar o acesso aos Lotéricos, quando houver disponibilidade destes recursos.

Normatização para digitação código de barras – Considerando a rotina informal das lotéricas, o SINAL, solicitou que a Caixa emita um comunicado padronizando o atendimento ao usuário, para digitação ou não de códigos de barra, no guichê da UL.

Divulgação da premiação das UL’s – Foi solicitado à Caixa que ocorra a divulgação dos pagamentos de prêmios nas respectivas Lojas, pela importância e possibilidade de estimular os apostadores e fomentar as vendas nas UL’s.

Adicional institucional para UL em municípios sem agência CAIXA – O SINAL solicitou atenção da Caixa, no suporte aos Lotéricos instalados em regiões que não possuem carro-forte, e ou, agência Caixa; a SR se compromete em resolver todos os casos.

Para a Diretoria do SINAL, o debate foi muito produtivo, o que estimulou a continuação de ocasiões semelhantes, e periódicas, entre o Sindicato e a Superintendência Regional. “Percebemos um comprometimento dos membros da SR com a categoria e o negócio Loterias, serão interlocutores nas demandas regionais, naquilo que depender da matriz da Caixa”, completou o presidente Ricardo Amado.