Home Lotérica Em Brasília Febralot traz novos avanços
< Voltar

Em Brasília Febralot traz novos avanços

19/10/2017

Compartilhe

A Federação das Empresas Lotéricas, através de sua diretoria, realizou neste dia 18 pela manhã uma reunião com parlamentares para a finalização do substitutivo do PL 7306/2017. Esse documento se fez necessário após a diretoria buscar um alinhamento com as entidades que estariam ligadas direta ou indiretamente ao projeto, sendo elas: Febraban, Banco Central, Caixa Econômica Federal e Ministério da Fazenda.
Após um apanhado das divergências apresentadas, realizou-se a adequação do texto substitutivo já em acordo com os autores do PL, os deputados Luiz Carlos Hauly (PSDB/PR) e Goulart (PSD/SP). Agora, com o Projeto pronto para a votação em plenário cabe ao Presidente da Câmara, o deputado Rodrigo Maia (DEM/RJ), definir o melhor momento para colocar em votação.
Vale destacar que não há garantia de data para que isso ocorra na próxima semana, como é a expectativa da Rede pois, na pauta, a Câmara tem como prioridade a definição das votações de envolvem o Presidente da República, Michel Temer.
Aproveitando as discussões e a busca de apoio ao PL, a diretoria da Febralot visitou também a deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) que distribuiu um vídeo em apoio à Rede Lotérica. No encontro ela reafirmou seu total apoio à Categoria e prometeu fazer o possível para dar celeridade à votação. A diretoria da Febralot aproveitou para agradecer o apoio da deputada que certamente fortalecerá as frentes a favor da Rede no Congresso Nacional.
Mesmo não havendo uma data definida para a votação do Projeto, a diretoria executiva da Febralot afirmou que estará presente em todos as reuniões e possíveis votações que envolvam o PL de hoje até a votação para que não se perca nenhuma oportunidade da Categoria marcar presença.
Finalizando os trabalhos, a Febralot se reuniu com os executivos do Banco do Brasil, o gerente executivo Fausto de Andrade Ribeiro e o gerente José Fernando Jesus Cabral Vaz além do deputado Luiz Carlos Hauly e Maurílio Rocha, assessor do deputado Goulart, ausente por conta de agenda. Este encontro serviu para definir o restabelecimento do saque nas lotéricas como era anteriormente através de convênio com a Caixa.
A mudança ocorreu devido ao alto índice de fraudes e fez com que os saques do BB se limitassem a R$100,00. Segundo os executivos, após uma revisão dos sistema contra a fraude é possível que a partir de dezembro o saque passe a R$500,00 podendo, em alguns casos, chegar a R$1500,00 conforme condições específicas de cada conta desde que se confirme a solução das fraudes após esta revisão. (Jodismar Amaro –
FEBRALOT)