Home Cassino Expansão é a palavra-chave escolhida pela FBM para 2020
< Voltar

Expansão é a palavra-chave escolhida pela FBM para 2020

18/02/2020

Compartilhe

O diretor executivo, Renato Almeida destacou na entrevista a expansão da FBM e os objetivos ambiciosos para 2020

A pegada global da FBM na indústria de gaming começou a ser construída no início do século vinte e um. Quase a completar duas décadas de legado, a marca viveu diferentes fases de expansão e traça objetivos ambiciosos para 2020, com especial foco na conquista do mercado global de spins e no aproveitamento do boom dos jogos online.

Para percebermos melhor os objetivos da FBM para a nova década fomos conversar com o seu diretor executivo, Renato Almeida, no rescaldo da participação na ICE London 2020.

Como é que se deu a construção deste estatuto da FBM enquanto “global gaming brand”?

A FBM tem, desde 2001, trilhado um caminho de aposta na inovação para entregar a melhor experiência de jogo possível para os seus clientes. A marca começou por ganhar o seu espaço no mercado ao introduzir aspectos pioneiros nos jogos de bingo. A aposta disruptiva no jogo multicartão e nas bolas extra garantiu-nos um posicionamento de referência nesta tipologia de jogo e foi o nosso primeiro passaporte para a expansão.

A partir daí soubemos inovar em diferentes momentos da história da marca e ler os mercados para providenciar o que os seus clientes pediam ou ansiavam. É isso, de resto, que estamos a agora a fazer com um foco mais intenso nos jogos de spins e um olhar muito atento às oportunidades do segmento online.

O que diferencia a marca da concorrência e viabilizou este crescimento?

A FBM foca-se realmente no cliente. Seja um operador ou cliente final, o nosso processo de desenvolvimento contempla um grande acompanhamento, com muitas interações e respostas à medida das necessidades e dos requisitos dos clientes. Tudo isto cria uma sensação de conforto no outro lado, que faz com que as nossas relações comerciais sejam duradouras e estejam assentes num grande capital de confiança. Esta tem sido a nossa receita para o crescimento registrado nos mercados em que estamos presentes fisicamente e, mais recentemente, no universo online.

Como descreve a receptividade do mercado nesta ICE London?

Esta foi a nossa terceira presença na ICE London e sentimos uma evolução positiva, tanto no número de pessoas que visitaram o stand, bem como na diversidade de perfis. Sentimos que houve mais clientes do mercado mexicano a visitarem-nos e a perguntarem pelos jogos de spins que acabamos de lançar – Easy$Link e Mythic Link. Os jogos online que exibimos também suscitaram interesse e permitiram-nos realizar várias reuniões com potenciais clientes.

Quais são os grandes objetivos da marca para a entrada na nova década?

As nossas expectativas para 2020 não diferem muito do que tem sido o nosso percurso. Queremos continuar a expandir a presença internacional da marca FBM. Para isso sabemos que temos de continuar a investir no desenvolvimento e na evolução dos nossos jogos de spins, bem como no crescimento e na diversificação do nosso portfólio de jogos online. Tudo isto sem nunca esquecer o produto que inicialmente nos elevou ao estatuto de marca internacional de jogo: os bingos.