Home Loteria Inglês matou a esposa para não dividir prêmio de loteria
< Voltar

Inglês matou a esposa para não dividir prêmio de loteria

03/10/2001

Compartilhe

O ganhador do prêmio de mais de 400 mil libras de uma loteria britânica matou a esposa para não dividir o dinheiro com ela. A mulher pediu o divórcio e o marido resolveu estrangulá-la, em abril deste ano, para ficar sozinho com o dinheiro. De acordo com o jornal inglês The Guardian, Michael O’Leary, 54, ficou apavorado quando sua esposa Michelle, 39, com quem teve dois filhos pediu a separação, após 19 anos de casamento, lembrando-o de que teria direito a uma parte do prêmio.
O promotor do caso, Charles Chruszcz, disse ontem, na corte de Liverpool, que O’Leary matou a mulher “silenciosa e rapidamente, antes que ela pudesse fazer qualquer coisa para se proteger”.
Quando preso, O´Leary, que tinha 348 mil libras em investimentos e contas bancárias, tentou convencer os policiais de que era pobre. Ele movimentou o dinheiro de modo a fazer a polícia pensar que realmente não tinha nada. O corpo de Michelle foi encontrado pela filha mais velha do casal, Catherine, 20. O’Leary fugiu, mas no dia seguinte ao crime se entregou à polícia. O resultado do julgamento ainda não foi divulgado.
Terra Notícias