Home Jockey JCB: Afastamento do Presidente
< Voltar

JCB: Afastamento do Presidente

21/12/2010

Compartilhe

Rio de Janeiro, 16 de dezembro de 2010.

Prezados Associados,

Como Presidente do Jockey Club Brasileiro (JCB), estou sendo vítima de uma sórdida campanha difamatória, orquestrada por um grupo que sequer teve a decência de se identificar – seus líderes permanecem anônimos, escudados por um escritório de advocacia que se recusa a cumprir intimações policiais e judiciais.

Essa campanha teve o objetivo de desinformar, confundir o ambiente político do Clube e evitar que a maioria dos associados possa livremente se pronunciar sobre projetos que podem ser vitais para o futuro do JCB.

Ontem, recebi supostos requerimentos de associados solicitando a convocação de Assembléia Geral Extraordinária para deliberar acerca do meu afastamento do cargo de Presidente do JCB, por acusações inespecíficas contra mim levantadas.

Essa convocação só pode ser feita por "sócios efetivos, no pleno gozo de seus direitos", mediante requerimento "assinado por 400 (quatrocentos) deles, pelo menos" (cf. Estatuto Social, art. 43). No caso, o requerimento seria assinado por 516 sócios, mas há sérias dúvidas a respeito desse número.

Realmente, o número não resiste à mais simples análise. Numa primeira revisão, já foi detectada uma série de irregularidades no documento, como as seguintes:

– várias dezenas de sócios não assinaram requerimento algum e tiveram seus nomes apenas preenchidos em letra de forma;

– consultados, há sócios que afirmam não terem assinado o requerimento;

– há casos de assinaturas não pelo sócio efetivo, mas por dependentes ou terceiros;

– há assinaturas que não correspondem àquelas constantes dos registros do Clube;

– há assinaturas de pessoas que não ostentam a qualidade de sócios efetivos;

– há assinaturas de muitos sócios que não gozam do direito de voto; e

– há assinaturas de sócios que não estão em dia com suas obrigações para com o Clube.

Assim, diante dessas primeiras constatações e em respeito aos mais de 1.098 votos que recebi quando fui eleito presidente do JCB, procederemos às competentes análises para verificar o real atendimento aos requisitos do Estatuto Social do Clube.

Manteremos o quadro social informado a respeito do assunto, desde já agradecendo as inúmeras manifestações de apoio que tenho recebido.

Atenciosamente,

Luis Eduardo da Costa Carvalho

Presidente do Jockey Clube Brasileiro