Home Destaque Jogo do bicho cria loteria clandestina com apostas de partidas de futebol do Brasileirão
< Voltar

Jogo do bicho cria loteria clandestina com apostas de partidas de futebol do Brasileirão

23/05/2018

Compartilhe

Na foto, boleto com aposta do acumnulado de futebol e panfleto do bolão do campeonato brasileiro rodada passada

Já foi o tempo em que a contravenção carioca, alvo de investigações da Polícia Civil, lucrava apenas com as apostas nos grupos de 25 animais. Inspirados na Loteria Esportiva, bicheiros criaram um jogo ilegal que está sendo chamado de Loteria do Bicho. Os bolões já são oferecidos no Centro, Tijuca, Vila Isabel, Bonsucesso e outros bairros, e o jogador pode arriscar palpites para resultados de partidas oficiais do Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil, Libertadores da América e torneios europeus.

Os prêmios variam com o rateio de apostas. Os palpites são cadastrados em uma máquina semelhante às usadas para pagar despesas com cartões de crédito e débito, que emitem um comprovante com os resultados escolhidos. O apostador precisa acertar todos os jogos para receber a premiação. Além dos nomes dos times, uma espécie de volante traz ainda o escudo de cada equipe. Após a escolha do resultado, as apostas são feitas num talão, cuja cópia fica com o apostador, como acontece no jogo de bicho tradicional.

Cópia do volante distribuído aos apostadores com as partidas da próxima rodada do Campeonato Brasileiro que terá rateio mínimo de R$ 50 mil

Entre os bairros onde a Loteria do Bicho já pode ser encontrada estão áreas controladas pelos detentores do espólio da contravenção de Waldomiro Paes Garcia, o Maninho, assassinado a tiros em 28 de setembro de 2004.

Responsável pela Loteria Esportiva, a Caixa Econômica Federal informou que “a regulação da atividade de loterias é de atribuição da Secretaria de Acompanhamento Fiscal, Energia e Loteria (Sefel), vinculada ao Ministério da Fazenda’’. A Polícia Civil respondeu apenas que a corregedoria do órgão tem investigações em andamento sobre a exploração do bicho e de outros jogos ilegais.

Lei proíbe a contravenção

A introdução de apostas em partidas de futebol não é a primeira tentativa dos banqueiros cariocas de tentar atrair mais apostadores e modernizar o jogo. Há alguns anos, eles passaram a usar aparelhos iguais às máquinas de crédito e débito, para cadastrar as apostas. Apesar de o jogo de bicho ser proibido por lei, sites recebem apostas online e divulgam os resultados de todas as extrações.

Nesta terça-feira, entre as partidas disponíveis, estavam Universidade do Chile x Vasco, pela Libertadores, e Fortaleza x Criciúma, pela série B do Brasileirão. (Jornal Extra e Globo Online – Marcos Nunes – Rio de Janeiro – RJ)