Home Loteria Powerball acumula e poderá pagar prêmio recorde de US$ 1,3 bilhão ou R$ 5 bilhões no próximo sorteio
< Voltar

Powerball acumula e poderá pagar prêmio recorde de US$ 1,3 bilhão ou R$ 5 bilhões no próximo sorteio

11/01/2016

Compartilhe

Nenhum apostador acertou as cinco dezenas da Powerball – loteria multiestadual dos EUA – no sorteio realizado neste domingo (10) em Nova York. Deste modo, o prêmio de U$ 900 milhões, que já era o maior da história em uma loteria norte-americana, acumulou para U$ 1,3 bilhão – ou mais de R$ 5 bilhões na cotação atual. O próximo sorteio será no dia 13, de acordo com a Reuters.

A bolada da Powerball, que corre em 44 Estados, além de Washington e outros dois territórios norte-americanos, passou a valer US$ 806 milhões caso o vencedor escolha o pagamento imediato em dinheiro, em vez de um pagamento anual ao longo de 29 anos.

Os números sorteados às 23h deste sábado em Nova York (2h de domingo em Brasília) foram: 16 – 19 – 32 – 34 – 57.
"Não houve nenhum vencedor do Powerball", informou a Loteria Texas no Twitter, horas após os números serem sorteados.

O grande prêmio para Powerball subiu de forma constante durante semanas depois de repetidos sorteios não terem ganhadores. Na semana passada, as vendas de bilhetes aumentaram, levando o prêmio para além dos US$ 900 milhões anteriores.

O prêmio, que aumenta cada vez que ninguém acerta os seis números, é considerado o maior da história norte-americana. Por isso, muitos americanos, que normalmente evitam loterias, se juntaram em longas filas para comprar bilhetes em lojas de varejo em todo o país.

Na Califórnia, normalmente as vendas de bilhetes totalizam US$ 1 milhão por dia, mas no sábado pela manhã chegaram a US$ 2,8 milhões em uma hora, disse o porta-voz da loteria no estado norte-americano, Mike Bond.

Neste sábado, antes do sorteio, as caixas registradoras do Estado de Nova York estavam a todo vapor, vendendo os bilhetes da Powerball a um ritmo de US$ 1,7 milhão por hora, de acordo com funcionários.

Os compradores dos bilhetes se mostram muito entusiasmados, apesar das chances remotíssimas de se ganhar o prêmio, segundo os estatísticos: uma em 292 milhões.

Por meio de um e-mail, o professor de bioestatística na Universidade de Buffalo Jeffrey Miecznikowski disse que um norte-americano 25 vezes mais chances de se tornar o próximo presidente dos Estados Unidos do que ganhar a Powerball.

Ou dito de outra maneira: as chances são as mesmas que jogar uma moeda 28 vezes e dar cara em todas elas. A última vez que houve um vencedor no Powerball foi em novembro.(Do UOL, em São Paulo – Com Reuters – Foto: Eugene Garcia/EFE)


Centenas de pessoas fazem fila para comprar os bilhetes para concorrer ao maior prêmio da história da loteria norte-americana na Califórnia, estado mais populoso dos EUA (Foto: Gene Blevins/Reuters)