Home Loteria Subcomissão da LOTERGS realiza reunião na Assembleia Legislativa
< Voltar

Subcomissão da LOTERGS realiza reunião na Assembleia Legislativa

05/12/2011

Compartilhe

A Subcomissão da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, designada para estudar a retomada das operações da LOTERGS, estará realizando na próxima quarta-feira(7), às 17h ou após o encerramento da Sessão Plenária, na Sala Maurício Cardoso (4º andar) do Palácio Farroupilha, sede da Assembleia Legislativa, com o objetivo de debater os aspectos jurídicos da LOTERGS e os “cases” das loterias dos outros estados. O deputado Frederico Antunes, Relator da Subcomissão da LOTERGS, está convidando os empresários, dirigentes e técnicos, que participaram da audiência pública e das outras reuniões.

Deputados estiveram em visita técnica na Loterj

Os deputados Frederico Antunes (PP) e Miki Breier (PSB) estiveram no início de outubro na sede da Loteria do Estado do Rio de Janeiro (Loterj) buscando informações sobre o funcionamento dos sorteios e da Autarquia. Eles foram recebidos pelo presidente da Loterj, Sergio Ricardo de Almeida, pelo diretor operacional, Guilherme de Mattos, e pelo diretor administrativo, José Maria Alberich. As informações recolhidas durante o encontro vão embasar o trabalho da Subcomissão das Loterias da Assembleia Legislativa, que estuda o retorno da Loteria do Estado do Rio Grande do Sul (Lotergs).

Os deputados gaúchos saíram do encontro otimistas com a possibilidade de retomar a extração no Rio Grande do Sul. “O encontro foi proveitoso, pois podemos verificar aspectos técnicos e jurídicos, bem como o avanço dos produtos existentes hoje na Loterj e suas formas de arrecadação e premiação. A ideia da Subcomissão é cada vez mais discutirmos avanços jurídicos e possibilidades para uma retomada legal da loteria no Rio Grande do Sul", diz Frederico. A subcomissão terá 120 dias para apresentar o seu trabalho.

A Loterj é uma autarquia do Governo do Estado do Rio de Janeiro vinculada à Casa Civil, responsável pela administração, gerenciamento e fiscalização do jogo em todos os municípios do Estado. O sorteio carioca foi criado em 1944, após o Decreto-Lei Nº 6.259, do Presidente Getúlio Vargas que estabeleceu o “Serviço de Loterias”, no qual era prevista a exploração dessa modalidade de jogo pelas loterias federal e estaduais. Atualmente mantém cinco modalidades de loteria: convencional, instantânea, mista, concurso de prognóstico e sorteio numérico.

No Rio Grande do Sul, a Lotergs está desativada desde 1º de junho de 2004, após 161 anos em funcionamento. Ela foi criada em 1843, por Bento Gonçalves, então presidente da República Rio-Grandense, para financiar as despesas dos hospitais com os feridos na Revolução Farroupilha. (Com informações e foto de Cristiano Guerra)