Home Jogo do Bicho Tem bicheiro carioca nas bancas de Pernambuco
< Voltar

Tem bicheiro carioca nas bancas de Pernambuco

04/02/2002

Compartilhe

RECIFE. Com características bem diferentes do jogo de bicho do Rio — em Pernambuco funciona abertamente — a atividade começa a preocupar as autoridades do estado. O secretário de Defesa Social, Gustavo Lima, confirmou ontem que os órgãos de segurança estão investigando ligações do banqueiro carioca Antônio Petrus Kalil, o Turcão, com os bicheiros locais.
Turcão estaria atuando em Pernambuco há dois anos e, segundo denúncias que chegaram a antigos membros da Associação de Vendedores Autônomos de Loterias de Pernambuco (Aval), ele estaria faturando pelo menos R$ 500 mil por mês no estado. De acordo com integrantes da Aval, Turcão estaria ameaçando os banqueiros menores.
Pelas denúncias, Turcão e seus aliados teriam aumentado a cotação do bicho para inviabilizar as bancas pequenas e cartelizar o sistema de apostas. As denúncias surgiram depois que a cotação dos prêmios sofreu aumento de 75% na centena e dobrou o valor da milhar. O temor das autoridades é que a presença de Turcão contamine o jogo com ligações com o tráfico, lavagem de dinheiro e homicídios.
O Globo – RJ – Letícia Lins