Como escrever um artigo jurídico para a conclusão de curso

Compartilhar
Com a tecnologia a favor da educação o processo de pesquisa se tornou muito mais fácil nas últimas décadas (Foto: Pixabay)

Dependendo da sua universidade e do tipo de trabalho de conclusão que você está escrevendo, haverá diferentes requisitos quanto ao que constitui um artigo jurídico acadêmico.

Muitos estudantes estão em busca de um tema para TCC direito penal e convincente, porém esquecem que, além de um bom tema, é necessário ter uma boa estrutura em seu artigo.

Sendo assim, seguir reunimos nove etapas para colocá-lo na direção correta para obter excelentes resultados.

9 dicas para escrever um artigo jurídico perfeito

  1. Comece com antecedência

Óbvio, mas importante. Você deve tentar começar seu artigo jurídico assim que tiver as orientações por parte de sua instituição de ensino.

Deixar para o último minuto não só cria estresse desnecessário, mas também deixa você tempo insuficiente para escrever, referenciar e aperfeiçoar seu trabalho.

  1. Leia, entenda e desconstrua a pergunta

Não comece antes de compreender totalmente o que é solicitado. Reserve um tempo para dividir as solicitações em seções e visite seu orientador frequentemente para obter conselhos.

  1. Pesquisa

Esta é sem dúvida a parte mais crucial do processo de redação de um artigo jurídico. As informações devem ser obtidas de fontes relevantes, confiáveis ​​e atualizadas. Do contrário, isso enfraquecerá suas chances de produzir um ensaio jurídico de primeira classe.

Quanto mais confiável for uma fonte, mais pontos você ganhará. Use o material primário sobre o secundário, sempre que possível. Com a tecnologia a favor da educação o processo de pesquisa se tornou muito mais fácil nas últimas décadas.

  1. Escreva um plano

Depois de fazer a pesquisa, você terá uma ideia de que tipo de conteúdo deseja colocar em seu texto. Pegue um pedaço de papel e escreva o que deseja alcançar em cada parágrafo, sessão ou capítulo.

Isso torna tudo mais fácil quando você realmente for escrever, pois começar sem um plano pode ser complicado. O artigo deve responder à pergunta e nada além da pergunta, portanto, certifique-se de que todos os seus pontos estejam relacionados a ela.

  1. Escreva uma boa introdução

Uma introdução impressionante deve, em primeiro lugar, delinear o tema de pesquisa. Faça isso sem simplesmente repetir a pergunta orientadora.

Em segundo lugar, crie um roteiro para o leitor, deixando-o saber como o artigo abordará a questão. Em terceiro lugar, inclua uma declaração de tese que revisaremos no próximo ponto.

Sua introdução deve ser concisa, pois é no corpo principal do artigo onde será encontrado mais detalhes.

  1. Inclua uma tese

Esta é a sua opinião sobre o assunto em questão e normalmente entrará na sua introdução. Tome uma postura clara, não seja insosso.

Evite ter uma visão óbvia, ser diferente é muito relevante. Antes de escrever, pergunte-se se você pode provar seu argumento com a contagem de palavras dada ou se você precisa adotar uma posição mais modesta para o artigo.

  1. Incluir contra-argumentos

Isso vai provar seu amplo entendimento do assunto. Refute esses argumentos e explique por que seu argumento é melhor.

Se você não reconhece por que sua visão é mais forte, você está, em última análise, descrevendo duas visões e, em seguida, escolhendo aleatoriamente uma em vez da outra.

Lembre-se de que seu objetivo é persuadir o leitor a adotar sua postura. O leitor não ficará convencido se você não puder mostrar que seu argumento resiste a argumentos opostos.

  1. Escreva uma boa conclusão

Mencione resumidamente todos os pontos principais que você discutiu ao longo do artigo. Reafirme sua resposta à questão do seu artigo jurídico em sua conclusão para garantir que sua mensagem seja entendida com clareza.

  1. Imprima, leia e envie dentro do prazo

Segurar o artigo jurídico à sua frente em vez de lê-lo em uma tela pode ser mais eficaz. Peça a alguém para ler seu artigo e fornecer feedback crítico.

Isso é útil porque você pode não ter notado erros gramaticais. Ele não precisa ser advogado, pois um artigo bem escrito deve fazer sentido para qualquer pessoa.

Finalmente, cuide de si mesmo

Por último, mas certamente não menos importante, cuidar da sua saúde pode melhorar sua atitude em relação a escrever sua redação de direito.

Durma bem, coma retamente, beba bastante água e faça exercícios adequadamente. Faça pausas regulares e tente não se estressar. Não se esqueça de curtir o processo de escrever o seu artigo.

Comentar com o Facebook