Marina Bay Sands devolve US$ 6,5 milhões ao cliente VIP

Blog do Editor I 23.07.20

Por: Elaine Silva

Compartilhe:
Um jogador chinês disse que a empresa transferiu dinheiro de sua conta para outros jogadores sem o seu consentimento

O Marina Bay Sands de Cingapura resolveu uma batalha legal com um jogador chinês que alegou a transferência de dinheiro de sua conta para outros jogadores sem o seu consentimento.

Fontes citadas pelo South China Morning Post disseram que o cassino havia devolvido US$ 6,5 milhões ao VIP, e agora o permitiria voltar ao local. O acordo incluiu uma não admissão de responsabilidade de ambos os lados.

O cliente em questão, Wang Xi, processou o cassino por fundos que, segundo ele, haviam sido enviados de sua conta para pessoas que ele não conhecia sem a devida autorização, por meio de 22 transferências realizadas entre outubro e dezembro de 2015.

O cassino alegou ter cópias originais das cartas assinadas por Xi para autorizar as transferências, apesar de terem sido destruídas.

As reclamações de Wang Xi contra o cassino levaram uma investigação de lavagem de dinheiro das autoridades de Cingapura.

O Marina Bay, controlada pelo gigante dos cassinos dos EUA Las Vegas Sands, recebeu luz verde para retomar as operações após o bloqueio no final de junho. (Focus Gaming News)

Comentar com o Facebook