CAIXA firma acordo com Marinha para apoio ao desporto paralímpico

Compartilhar
Acordo terá recursos do Fundo para o Desenvolvimento das Loterias (FDL) (Foto: Marinha do Brasil)

A CAIXA e a Marinha do Brasil firmaram, na última quinta-feira (18), parceria com o objetivo de incentivar o desenvolvimento de atletas paralímpicos brasileiros oriundos de comunidades do Rio de Janeiro. Serão selecionados 100 atletas das modalidades de atletismo, natação, halterofilismo e tiro desportivo, que contarão com treinadores, monitores especializados e material esportivo específico para os treinamentos. O acordo terá recursos do Fundo para o Desenvolvimento das Loterias (FDL), revela a Agência Caixa de Notícias.

Assinatura de acordo entre Marinha e Caixa Econômica Federal visa promover o desporto paralímpico brasileiro. Acordo beneficiará mais de cem atletas paralímpicos (Foto: Marinha do Brasil)

O acordo expressa a essência da CAIXA, de colaborar e estimular a inclusão de pessoas com deficiência (PcD) também por meio do esporte. São novos talentos que vão surgir, atletas que poderão mudar sua própria realidade e representar o Brasil num futuro próximo. A CAIXA, como banco da inclusão, vai, em conjunto com a Marinha do Brasil, transformar e exaltar novos talentos do nosso país nos próximos eventos esportivos. As atividades desportivas serão desenvolvidas no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (Cefan), na Penha (RJ), em uma área de 225 mil metros quadrados, com centro de treinamento com equipamentos e instalações desportivas de última geração para diversas modalidades. O projeto do Cefan atua ainda com concessão de bolsas esportivas, acompanhamento médico hospitalar, fornecimento de uniformes e equipamentos.

Comentar com o Facebook