Lotéricas de Campinas são pés-quentes na Mega-Sena

Lotérica I 03.05.22

Por: Elaine Silva

Compartilhe:
Sorteio da Mega-Sena desta quarta-feira repete 3 dezenas do último concurso de sábado 1
O último levantamento anual, feito pela Caixa Econômica Federal (CEF), mostra, por exemplo, que uma lotérica instalada em um dos shoppings da cidade está no topo do ranking de lotéricas que concederam os maiores valores pagos em prêmios em 2021 em todo o País

A Mega-Sena acumulou outra vez e agora poderá pagar R$ 60 milhões a quem acertar as seis dezenas no próximo sorteio – concurso nº 2278, que será realizado quarta-feira (4). Esta será uma boa oportunidade para o apostador de Campinas tentar a sorte grande, afinal, lotéricas pés-quentes da cidade têm sido generosas nos últimos anos de sorteios. O último levantamento anual, feito pela Caixa Econômica Federal (CEF), mostra, por exemplo, que uma lotérica instalada em um dos shoppings da cidade está no topo do ranking de lotéricas que concederam os maiores valores pagos em prêmios em 2021 em todo o País.

A lotérica ficou mais famosa no primeiro dia útil deste ano, quando foi anunciado o prêmio da Mega da Virada. Metade da “bolada”, totalizando R$ 378 milhões foi dividido entre uma aposta de 14 cotas feita na lotérica. A outra metade foi de uma aposta feita em Cabo Frio (RJ). Naquela ocasião, as dezenas sorteadas foram: 12-15-23-32-33-46. Os apostadores de Campinas que participaram do bolão acertaram os seis números da Mega, mais 30 quinas e 150 quadras, totalizando um prêmio de R$ 190,7 milhões, representando um montante de R$ 13,6 milhões em cada cota. O jogo foi de 11 dezenas combinadas, que totalizou 462 cartões de seis números cada.

Outra lotérica, no bairro Jardim Nova Europa, foi a sétima maior em prêmios do País no ranking divulgado pela Caixa no ano anterior, em 2020. Esta lotérica foi pé-quente em setembro de 2020, quando um apostador fez um jogo simples da Mega-Sena, de seis números e recebeu um prêmio de R$ 47,5 milhões. O mesmo aconteceu em uma aposta simples para um apostador que ganhou R$ 40 milhões em dezembro de 2016, em outro jogo da Mega-Sena, feito no bairro Swift.

Osvaldo Stefanelli Filho, proprietário de lotérica, disse que trabalha no ramo há 40 anos, desde 1982, e que sempre teve esta tradição de pé-quente. “No início, a lotérica ficou na rua Barão de Jaguara, no Centro de Campinas, mas houve um incêndio em fevereiro de 1994. Depois disso, a estrutura foi para o shopping. Nestes anos todos a lotérica já vendeu muitos prêmios elevados. “Há 20 anos, vendi um cartão premiado da Supersena, de R$ 4,2 milhões. A aposta era de um cliente que acabou esquecendo o cartão comigo. Liguei para ele e perguntei se tinha conferido o jogo. Ele me disse que nem lembrava dos números. Fui tomar um café com ele e entreguei o jogo. Quase matei o cara do coração”, relatou sorridente Stefanelli.

A Mega da Virada foi a confirmação da fama de pé-quente na lotérica. “Um jogo especial como a Mega da Virada, foi a primeira vez em 40 anos de atuação e fiquei até surpreso quando a Caixa informou que, por conta disso, a lotérica tinha ficado em primeiro lugar em vendas no Brasil. Foi uma alegria e um orgulho geral para todos, afinal trata-se do maior prêmio pago em lotérica até o momento”, afirmou. O resultado passou a atrair pessoas de diferentes Estados para a loja de Campinas. Stefanelli, disse que as pessoas procuram pelo Facebook, Instagran e WhatsApp. “As pessoa se comunicam mais pelo WattsApp e a lotérica passou a receber os pedidos de apostas. As vendas de bilhetes é um sucesso em todo o País. O Brasil inteiro compra comigo o bolão. As pessoas me passam um PIX ou fazem transferência, eu coloco o nome da pessoa a lápis no cartão e envio para eles uma foto do bilhete”, explicou.

Fezinha
O prêmio de R$ 60 milhões já está deixando lotéricas lotadas. Ontem, o caseiro Aloísio Oliveira, foi fazer sua “fezinha” em um jogo da Mega-Sena, de R$ 4,50 e seis números, na lotérica. “Vou arriscar e tentar ganhar os milhões de reais. Se eu ganhar nem sei ainda o que fazer, nem pensei”, disse. “Sei apenas que vou continuar trabalhando sem me preocupar com os pagamentos de rotina. Vou trabalhar feliz, bem servido das necessidades e com a cabeça mais tranquila”, revelou.

Maria Julia Ferreira, vendedora, foi tentar a sorte também em dois jogos de seis números cada. “Tem gente que reclama que Deus não ajuda, mas Deus ajuda sim. Só que cada um tem que fazer a sua parte. Tem que jogar e esperar para ver se Deus vai permitir”, disse. Osni Vidotti, motorista, apostou em um bolão. “Gastei vinte e oito reais em um bolão com dois jogos de oito números cada. Tem mais números e a chance aumenta. Quem sabe esta não é a minha vez”, afirmou.

Rendimento
Quem acertar os seis números da próxima Mega-Sena poderá ter um rendimento médio de R$ 600 mil por mês, em diversos tipos de aplicações bancárias e no mercado financeiro. Vai depender da modalidade. No caso específico da poupança, o rendimento desta premiação de R$ 60 milhões gira em torno de R$ 300 mil por mês. O rendimento da poupança é determinado pela taxa Selic. Como a taxa Selic atual está em 11,75% ao ano, a poupança deverá render 0,5% ao mês; mais Taxa Referencial (TR). Por isso, o prêmio deverá render cerca de R$ 300 mil na poupança, no primeiro mês. Caso o dinheiro continue aplicado e a taxa Selic permaneça a mesma, os valores podem aumentar ainda mais nos meses seguintes. (Correio Popular – Gilson Rei)

Comentar com o Facebook
error: O conteúdo está protegido.