Jockey britânico William Carlson é pego em teste de cocaína

Blog do Editor I 04.10.19

Por: Magno José

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
O jockey britânico William Carlson foi pego em teste da BHA, a British Horseracing Authority, por testar positivo em cocaína

O jockey britânico William Carlson foi pego em teste da BHA, a British Horseracing Authority, por testar positivo em cocaína. O britânico de apenas 29 anos, neto do cinco vezes campeão Willie Carlson, admitiu ter feito uso da droga dias antes de uma prova.
O uso de cocaína tem sido disseminado em jovens britânicos. Especialistas apontam que 8% dos jovens ingleses de 16 a 24 anos relatam fazerem uso constante da droga. Entidades britânicas tem defendido a prática do esporte como forma de combater o uso.
William afirmou ao jornal The Sun ter feito uso da droga em um pub dois dias antes de corrida em Lingfield e Kempton.
O novo sistema de detecção do uso de drogas nos jockeys ingleses é mais severo que o anterior. Os testes de urina apenas detectam uso de cocaína feito até três dias antes. Já os testes de cabelo, que vem sendo utilizados, são capazes de demonstrar uso de drogas com até três meses de antecedência.
A entidade britânica reguladora das corridas de cavalo no país (BHA), afirma querer introduzir os testes de cabelo definitivamente.
A suspensão do jovem atleta será antecedida em meses, para quatro de abril. Desse modo, seu banimento ocorrerá até dia quatro de outubro, somando seis meses no total. Os resultados desse período serão naturalmente cancelados.
William é neto do cinco vezes campeão nacional daquele país em corridas de cavalo, Willie Carlson. O avô afirmou que o fato do neto ter sido pego no teste foi o melhor para William. Segundo Willie, o neto agora está indo a reuniões do AA e também à igreja.
William Carlson afirmou ao The Sun que começou a usar cocaína e álcool como uma forma de autoafirmação. William vem sofrendo de depressão há alguns anos. (Torcedores.com – João Gabriel Tavares)

Comentar com o Facebook