Gol dos cartolas na loteria do Distrito Federal

Blog do Editor I 23.05.22

Por: Magno José

Compartilhe:
Loterias reforçam o caixa dos governos estaduais
O Projeto de Lei da nova Loteria do Distrito Federal prevê que 5% da arrecadação de cada premiação sejam repassados para os times do território

Sem tradição nacional no futebol, os times de Brasília vão ganhar aporte mensal, um presente milionário, para turbinar os clubes que orbitam entre as Séries C e B. O Projeto de Lei da nova Loteria do DF prevê, no Artigo 6º, que 5% da arrecadação de cada premiação sejam repassados a times do território.

Ganha o torcedor, e ganham mais ainda dois expoentes políticos que vivem no alambrado. Marido da deputada Paula Belmonte (Cidadania), o empresário Luiz Felipe Belmonte é dono do Real Brasília. O Brasiliense, mais premiado da capital, é de propriedade do ex-senador Luiz Estêvão. Um golaço da dupla, nota quem assiste da arquibancada. (Coluna do Mazzini – IstoÉ)

Comentar com o Facebook
error: O conteúdo está protegido.