Lotérico baiano apresenta problema para Presidente Dilma

Compartilhar
Em entrevista a Rádio Metrópole de Salvador, o empresário lotérico Gilberto Cedraz (parente do presidente do TCU, Aroldo Cedraz) informa que conversou com a presidente Dilma Rousseff na última sexta-feira (14) durante evento em Juazeiro (BA) após a cerimônia de entrega de 1.480 unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida.
Segundo o áudio que o BNL teve acesso, o lotérico conseguiu fazer contato com a presidente através do governador da Bahia, Rui Costa. O lotérico relata que Dilma Rousseff foi altamente sensível e disse que é um absurdo a ‘cassação’ das lotéricas e que ela não vai permitir em hipótese alguma.  
Perguntado pelo apresentador se ele acreditava que a partir deste diálogo com a presidente o assunto não ia avançar, Gilberto Cedraz informou com veemência: “Não vai! Ela disse para mim textualmente: o meu governo é de justiça social”, sentenciou.  
No mesmo evento, o deputado estadual Roberto Carlos entregou uma carta dos empresários baianos a Presidente Dilma relatando o problema das licitações.
Neste momento o SINLOBA está trabalhando junto a Assembleia Legislativa da Bahia para que seja realizada uma audiência pública estadual.
Comentar com o Facebook

Deixe uma resposta