Reunião em SP promove união e consenso entre os principais Jockeys Clubs do Brasil e a ABCPCC

Os quatro principais Jockeys Clubs do país e a ABCPCC vão trabalhar juntos para reerguer o Turfe no Brasil

Compartilhar
Os quatro principais Jockeys Clubs do país e a ABCPCC vão trabalhar juntos para reerguer o Turfe no Brasil

Em reunião realizada no último domingo (27) no Jockey Club de São Paulo, estiveram presentes o presidente do Conselho de Administração do Jockey Club de São Paulo, Benjamin Steinbruch; o presidente do Jockey Club Brasileiro, Raul Lima Neto e o presidente do Jockey Club do Paraná, Roberto Belina.

Infelizmente, impossibilitados de participar, os presidentes do Jockey Club do Rio Grande do Sul, José Vecchio Filho; e da Associação Brasileira de Criadores e Proprietários do Cavalo de Corrida, Antonio Quintella, apoiaram a iniciativa e se disseram a favor do que fosse acertado em conjunto na reunião.

Após diversas explanações dos presentes, os dirigentes chegaram a um consenso sobre cinco pontos iniciais que serão explorados nos próximos seis meses.

Seguem abaixo os cinco pontos que serão tratados inicialmente, em pauta conjunta, com o objetivo de reverter o atual quadro do Turfe Brasileiro:

– Ação Institucional integrada junto a autoridades e instituições públicas;

– Calendário Nacional 2021;

– Fundo de Fomento para atividades hípicas;

– Implementação da Pedra Única;

– Projeto de Marketing para o Turfe Brasileiro.

Um grupo de Whatsapp foi criado para facilitar a comunicação entre os principais dirigentes do turfe brasileiro, que assumiram o compromisso de se reunirem mensalmente em reunião virtual, para conversar e acompanhar o progresso, dos pontos consensuais.

Os quatro principais Jockeys Clubs do país e a ABCPCC contam com a colaboração dos sócios dos clubes, proprietários, criadores, profissionais do turfe e turfistas em geral, para juntos, reerguerem o Turfe no Brasil. (ABCPCC – Jockey Club Brasileiro – Jockey Club do Paraná – Jockey Club do Rio Grande do Sul – Jockey Club de São Paulo)

Comentar com o Facebook

Deixe uma resposta