Como o jogo do bicho se mantém popular 130 anos depois de sua criação?

Jogo do Bicho I 11.07.22

Por: Magno José

Compartilhe:
Como o jogo do bicho se mantém popular 130 anos depois de sua criação? 2
Com muita tradição, Jogo do Bicho segue a todo vapor no Brasil, mesmo sendo ilegal; País vive a expectativa da legalização em um futuro próximo (Imagem: Reprodução)

Uma das maiores tradições do Brasil é o jogo do bicho, criado em 1982 e sendo adaptado e repassado em diversas gerações, seguindo em atividade até hoje. Porém, apesar de não regularizado, o jogo do bicho é uma realidade que jamais deixou de ser praticada no país.

Tudo começou com o Barão João Batista de Drummond, que administrava um zoológico na Vila Isabel e buscava aumentar o número de visitantes no local.

Com isso, resolveu fazer um “jogo do bicho”, colocando um animal em cada ingresso e realizando um sorteio ao final do dia, com premiação que chegava a 20 vezes o valor pago pela entrada.

Com o sucesso, a moda pegou e se espalhou por diversas regiões do Brasil, recebendo algumas adaptações. Porém, em 1941, o general Eurico Gaspar Dutra proibiu a prática com o artigo 58 do decreto de lei nº 3.688, declarando a atividade como ilegal.

E como o jogo do bicho funciona mesmo de forma ilícita?

Apesar de ser uma prática ilegal há décadas, o jogo do bicho nunca deixou de ser praticado, inclusive, o avanço da tecnologia colaborou para que os apostadores aumentassem as apostas, facilitando todo o processo.

O curioso é que para o funcionamento atual, o jogo do bicho utiliza os sorteios oficiais da Caixa Econômica Federal, obviamente, sem o consentimento. Dessa forma, cada animal corresponde a um número, então o que for sorteado resulta no bicho X, gerando assim os prêmios.

Por exemplo, o coelho é o animal de número 10. Portanto, no sorteio, qualquer número que terminar com 10 corresponderá a ele. Para os apostadores, é possível realizar entradas simples, escolhendo um bicho, ou até mesmo combinações com dois, três ou mais. Outra possibilidade é no número, apostando em uma centena ou milhar, sendo necessário sempre acertar os últimos números do que foi sorteado.

Como exemplo, o número 12310 pode premiar quem jogou no coelho (10), quem apostou na centena 310 e os que entraram no milhar 2310. Para cada combinação de aposta existe uma premiação, que é mais elevada de acordo com a ousadia e valor apostador.

Brasil vive expectativa para a legalização

Como o jogo do bicho se mantém popular 130 anos depois de sua criação? 1
O Brasil passa por um processo de debates visando a legalização não apenas do jogo do bicho, mas também de bingos e cassinos (Foto: Câmara dos Deputados)

Como podemos observar, o ato de ser ilegal não impede os jogos, muito pelo contrário, eles passaram a evoluir com o tempo. Sendo assim, o Brasil passa por um processo de debates visando a legalização não apenas do jogo do bicho, mas também de bingos e cassinos.

Um projeto de lei foi aprovado na Câmara dos Deputados, agora irá para o Senado e presidente da República. Se aprovado, o texto prevê a liberação de 292 bicheiros, 1,4 mil bingos e 33 cassinos no país.

Com a possível legalização das modalidades, o Governo Federal poderá receber ótimos valores com taxas e impostos, revertendo para instituições, fundos, no mesmo sistema que ocorre com as loterias.

Além disso, favorece para a geração de empregos, pois serão necessárias pessoas para manter o funcionamento. Agora, resta aguardar a definição dos próximos passos.

Comentar com o Facebook
error: O conteúdo está protegido.