Blaze pede credenciamento à Loterj para operar apostas no Rio

Apostas I 08.07.24

Por: Magno José

Compartilhe:
Blaze pede credenciamento à Loterj para operar apostas no Rio
A Blaze aproveitou edital aberto pela Loterj até 14 de agosto para solicitar o credenciamento. Ele permite o credenciamento após verificação dos requisitos legais e teste da plataforma de jogos

Uma das maiores empresas de apostas com atuação no Brasil, a Blaze solicitou à Loterj o credenciamento para atuar regularmente no estado. No Rio, apenas cinco casas de apostas virtuais estão licenciadas pela Loterj, registra nota da coluna do Lauro Jardim no Globo Online.

A Blaze aproveitou edital aberto pela Loterj até 14 de agosto para solicitar o credenciamento. Ele permite o credenciamento após verificação dos requisitos legais e teste da plataforma de jogos.

No Rio, há uma cobrança de R$ 5 milhões da taxa de outorga para autorização de funcionamento das empresas – bem menos que os R$ 30 milhões cobrados pela outorga do Ministério da Fazenda, que será concedida apenas para 2025.

Além disso, a operação regular promovida pela Loterj tem como trunfo para fortalecer o mercado das apostas no Rio de Janeiro a possibilidade de encher os cofres federais: é que a cada R$ 1 arrecadado pela autarquia fluminense em impostos, aproximadamente outros R$ 8 são arrecadados pela União.

 

Comentar com o Facebook